<Novembro 2006>
S
T
Q
Q
S
S
D
             
30      

Toca Da Montanha


Relacionado a viagens e expedições pelo mundo a fora,
seja de motocicleta, de carro,
de bicicleta ou a pé.


Projeto Nazca - Relatos

 

Introdução
Topo


28.11.06

\ \ Vigésimo Oitavo Dia

Destino de hoje, Três Lagoas. Cidade média e extremamente plana, ideal para ciclistas. Para variar a chuva nos pegou em cheio, do começo ao fim. Esse tipo de chuva me irrita profundamente, qualquer 150 km se torna uma eternidade de viagem. Tomamos o caminho errado logo de cara, escassez de placas, que droga! Estávamos até felizes pois a chuva estava ficando para trás, mas logo descobrimos que o caminho não era aquele, voltamos direto para o olho do furacão. Na estrada havia um caminhão pipa transportando óleo vegetal que andava a milhão, não conseguíamos ultrapassá-lo de forma alguma. Ele jogou muita água suja em nossa cara. A pista é de mão dupla, o que torna a viagem mais lenta por causa das ultrapassagens, o asfalto tem alguns remendos no caminho, o que acaba desestabilizando um pouco as motos, ainda mais com o chão molhado. Quando a chuva dava uma trégua, dávamos uma paradinha para esticar as pernas e tirar água dos joelhos, mas logo pegávamos estrada de novo. Final de viagem é fogo, a paciência encurta e não se vê a hora de chegar ao objetivo. Para mim a viagem começa logo quando a estou planejando, mas a aventura mesmo só se inicia quando saio do país, sendo assim, a viagem meio que acabou para mim quando entramos no Brasil, o resto agora era rotina. Chegamos cedo, apesar de o céu estar caindo sobre nossas cabeças, hotel razoável e de preço bom, o pessoal da portaria se interessou por nossa viagem, passamos o endereço do site para eles visitarem. Varal estendido, roupa lavada, banho tomado, só nos restava correr atrás de comida. Mandamos um lanchão de beira de rodoviária para o peito, logo já não havia mais espaço para nada, só para um refrigerante bem gelado antes de dormir. Nosso último dia fora do estado de SP, ó dúvida cruel, fazer ou não os últimos dois trechos em um só dia, para chegar mais cedo em casa. Tudo depende de como o dia amanhecer, se estiver chovendo, dormimos em Bauru, senão, Elias Fausto, aí vamos nós...

Foi exagero meu dizer que o céu estava desabando?